Sistema de Proteção contra Descargas Atmosféricas

Componentes do SPDA

Um SPDA é composto por vários elementos essenciais:

  1. Captores: Também chamados de para-raios, são dispositivos instalados no ponto mais alto das edificações com a função de interceptar as descargas atmosféricas. Os tipos mais comuns são:
    • Franklin: Tradicional, com uma ponta única.
    • Múltiplas pontas: Aumentam a área de captação.
    • Ionizantes: Utilizam materiais radioativos para ionizar o ar ao redor, aumentando a probabilidade de captura.
  2. Condutores de Descida: São cabos que ligam os captores ao sistema de aterramento. Devem ser instalados de forma a garantir o menor caminho elétrico entre o captor e o aterramento, reduzindo a resistência e os possíveis danos.
  3. Sistema de Aterramento: Consiste em hastes ou placas metálicas enterradas no solo, responsáveis por dispersar a energia do raio de maneira segura. É crucial que o sistema de aterramento tenha baixa resistência para ser eficiente.
  4. Dispositivos de Proteção Interna: Incluem dispositivos de proteção contra surtos (DPS) instalados no quadro de distribuição elétrica, que protegem os equipamentos eletrônicos contra picos de tensão causados por descargas atmosféricas indiretas.

Projeto e Instalação

A instalação de um SPDA deve seguir normas técnicas rigorosas, como a ABNT NBR 5419 no Brasil. Os passos básicos para a implementação incluem:

  1. Análise de Risco: Avaliação da probabilidade de descargas atmosféricas e dos potenciais danos associados.
  2. Projeto do Sistema: Definição do tipo de captor, número e posição dos condutores de descida e especificações do sistema de aterramento.
  3. Instalação: Realização da montagem dos componentes do SPDA conforme o projeto.
  4. Manutenção e Inspeção: Verificação periódica do estado dos componentes para garantir a eficiência contínua do sistema.

Benefícios do SPDA

  • Proteção de Vidas: Reduz significativamente o risco de fatalidades causadas por raios.
  • Preservação de Edificações: Evita danos estruturais graves.
  • Segurança de Equipamentos: Protege aparelhos eletrônicos e sistemas elétricos contra picos de tensão.
  • Continuidade Operacional: Minimiza interrupções em atividades comerciais e industriais.

Matérias recentes

Fundamentos dos Sistemas Pneumáticos

Os sistemas pneumáticos são amplamente utilizados na automação industrial devido à sua eficiência, confiabilidade e versatilidade. Utilizando ar comprimido como meio de operação, esses sistemas

VISUALIZAR »
//
Nossa equipe de suporte ao cliente está aqui para responder às suas perguntas.