Benefícios da indústria 4.0!

A indústria 4.0 é assim chamada porque trata da quarta revolução industrial ligado à novas tecnologias que vão ser utilizadas em linhas de montagem industriais. Estamos falando aqui é claro, de inteligência artificial, robótica, realidade virtual e informação (dados) nas nuvens.

            Não. Você não está em um filme de ficção científica. O futuro é agora e a Indústria 4.0 está usando essa tecnologia de ponta, que antes você achava que só existia em gibis, para ganhar muito dinheiro e produzir mercadorias cada vez mais incrementadas.

            Os modelos de negócios e as etapas de produção foram bastante modificados pela indústria 4.0, totalmente embasada hoje em trabalho à distância e programação de computadores. E não é que a empregabilidade do negócio diminua. Ela apenas terá que ser mais qualificada, e é o que está acontecendo, permitindo alocar recursos inclusive na capacitação de novos colaboradores e na ampliação da produção industrial com otimização de tempo e recursos.

Tecnologia de ponta a ponta

            Esta indústria pegou emprestada a tecnologia que você já possuía em casa e a “profissionalizou”, tornando-a interessante para a produção industrial e mais logada no resultado final visado pelos grandes conglomerados produtivos. Ela incorporou a robótica avançada e a conexão máquina- máquina (acredite: elas estão falando entre si), além de alocar recursos da internet das coisas em nuvens que viabilizam o acúmulo seguro de dados estratégicos de funcionamento e desenvolvimento de empresas e produtos.

            Daí, aliás, vai surgir o que chamamos “Big Data” e que é importantíssimo para a indústria 4.0:  o acúmulo de informações em nuvem e seu processamento e utilização para resolução de problemas de negócios.  O segredo aqui é o tempo: o processamento de dados, a alocação de paradigmas, o encontro de soluções ideais, acontece em segundos. Algo inconcebível para mentes humanas e bastante comum na indústria 4.0 graças ao Big Data.

            Este tipo de indústria também criou os conceitos de manufatura digital e manufatura aditiva: o primeiro cria sistema integrado que simula em 3D problemas e produtos; a segunda cria peças através de plataforma virtual e via desenhos digitais, como nas impressoras 3D, por exemplo.

            Todas estas inovações incrementam a produção, é claro, e nisto residem os maiores benefícios da indústria 4.0. A capacidade produtiva aumenta, inclusive nas micro empresas Aliás, não há mais micro empresas com o “Big Data” e a manufatura digital.

           Quer saber mais sobre esse assunto? Continue seguindo nosso blog e nossas redes sociais… Temos muito ainda o que falar sobre a Indústria 4.0.

Matérias recentes