Como é feita a calibração de instrumentos industriais?

A calibração mede os equipamentos de medição. Parece engraçado e redundante, mas é verdadeiro. A calibração analisa se determinado equipamento de medição apresenta condições ideais confiáveis para a amostragem precisa com margem de erro aceitável daquilo que se presta a medir.

A calibração industrial é um conjunto de procedimentos que irá estabelecer, dentro da metrologia, a relação entre os valores buscados pelo instrumento medido e a grandeza real já estabelecida e medida através destes padrões.
Na indústria, a calibração vai além: ela compara os valores do instrumento medidor submetido a condições específicas de temperatura, vibração, tensão, etc… Enfim, a calibração vai mensurar o desempenho do instrumento no seu limite de funcionamento. Tudo para verificar se as informações que reporta podem ser consideradas fidedignas em quaisquer circunstâncias, mesmo as menos favoráveis.

Isto porque a calibração também avalia o erro, e em que condições ele pode ocorrer. Os parâmetros que usa são aqueles oficiais, conforme níveis previamente estabelecidos, e é tão indispensável que obrigatória, exigindo-se das indústrias que possuam certificado de calibração de seus aparelhos e instrumentos, conforme determina a norma NBR ISO/IEC 17025, com padrões referências rastreados pelo INMETRO.

Para que seja realizado estes processos de forma segura e completa, é fundamental que exista um banco de dados com informações sobre todos os equipamentos, para que seja possível verificar o histórico dele, por quais procedimentos já passou, se precisa da substituição de peças ou se o próprio equipamento precisa ser substituído.

Sua indústria passa por processo de calibração? Não fique em dúvida se está fazendo tudo de forma correta! Entre em contato com a RP, temos experiência e conhecimento de mercado para ajudar.

Matérias recentes