O que é um sistema de acompanhamento de ativos.

Para as empresas, é possível controlar melhor os ativos através de sistemas bolados, criados, desenvolvidos e operados para este específico fim. Há ferramentas especializadas para a gestão deste patrimônio ativo e que aperfeiçoa ganhos e evita perdas através de planejamento e controle adequados.

Vamos conhecer um pouquinho deste sistema?

O que são ativos

Os ativos podem estar ou não imobilizados, conforme possam ou não ser convertidos em dinheiro imediatamente ou estejam empregados em investimentos e imóveis que não possam virar recursos em moeda sonante da noite para o dia.

O ativo imobilizado geralmente é a parte do patrimônio da empresa que já está comprometido com alguma despesa ou gasto ou representa imóvel ou conteúdo acionário que a lei iguala a bem imóvel para o fim de compor o patrimônio partilhável de pessoa física ou jurídica.

O que faz um sistema de acompanhamento de ativos?

Um sistema de acompanhamento de ativos não é um tosco utensílio agrícola, mas um software de última geração, com acesso on e offline e conteúdo guardado em nuvem na maioria das vezes.

Os acessos a estes sistemas são simultâneos, ou seja, vários colaboradores ao mesmo tempo podem ter acesso e interagir, inserindo, acrescendo e suprimindo dados, simultaneamente.

É claro que estes programas de computador não criam informações do zero, e os dados que neles se encontram inseridos precisam ser fornecidos pelo conhecimento e pelas mãos humanas – tudo isto através de inventários prévios que irão fornecer informações a serem armazenadas nos bancos de dados geridos pelo sistema.

Também há softwares para viabilizar o inventário físico dos ativos. Como o acesso ao sistema é simultâneo e múltiplo, o software também individualiza a estes diversos colaboradores responsáveis pelo funcionamento do ativo empresarial, distribuindo funções e fiscalizando o cumprimento de tarefas de gestão destes ativos. Ele também aponta e responsabiliza isoladamente cada um destes membros corporativos pela inserção ou modificação de dados do sistema. Como alguns dizem, “dá nome aos bois”.

O sistema de acompanhamento de ativos também irá prevenir o mau uso ou extravio de documentos, a otimização do aproveitamento das reservas financeiras, incentivando a economia em escala corporativa.

Se a empresa possui filiais, estas serão individualizadas e também controladas pelo mesmo sistema, com as mesmas regras para cada uma delas e respectivos gestores. Através desta “ferramenta”, todos os bens de matriz e filial, físicos ou virtuais, serão controlados em seu fluxo, montante e aproveitamento, e os colaboradores responsáveis por esta gestão ou pelo monitoramento e funcionamento do sistema seguirão monitorados e supervisionados.

O empresário antigo conhecia sua empresa “na palma da mão”. Hoje, com o sistema de controle de ativos, esta palma da mão aumentou, cresceu e subiu para as nuvens, mas continua sendo bastante conhecida pelo empreendedor precavido e de sucesso que procura conciliar sua atividade profissional com o complexo mundo da gestão de ativos através de sistemas de software especialmente dedicados a este fim. 

Quer um sistema de acompanhamento de ativos para a sua empresa? A RP Engenharia desenvolve esses sistemas conforme suas necessidades, entre em contato com a gente.​​​

Matérias recentes