O que é a MCC?

MCC é um método todo fundamentado na confiabilidade – do produto, da manutenção, da operação, do funcionamento, e dos colaboradores por detrás disso tudo. Este método procura primeiro diferenciar os sistemas essenciais daqueles coadjuvante no funcionamento da linha de produção com suas respectivas estruturas e maquinário, dissociando o principal do acessório – assim será possível criar prioridades e, a partir delas, agregar valores na prevenção de danos e despesas daí decorrentes.

Em seguida, são pesquisadas as falhas mais comuns do setor produtivo da indústria. A partir desta análise é que se vai buscar, justamente, evitar que estas falhas ocorram. Identificadas as funções padrões de funcionamento, se busca detectar quais seriam as falhas mais corriqueiras no seu funcionamento, bem como as respectivas causas e consequências nocivas para a indústria. Daí serão implementadas estratégias para impedir as falhas e diminuir-lhes os danos.

Assim como em todo programa de otimização de resultados, o MCC vai procurar padronizar processos, diminuindo variantes e exceções à regra, tudo aquilo que fuja de um padrão de funcionamento previamente planejado para atender às demandas corriqueiras da maneira mais prática e rápida possível e em escala industrial. Com a padronização estrategicamente planejada, é claro, virá o aumento de produtividade.

Parece simples, mas cada setor de produção deverá possuir uma planilha própria de atividades padrão, com respectivas funções e ordem de serviço (OS) como pré-requisito para qualquer demanda nova ou previsível que seja de necessária realização na linha de produção. O passo a passo criado na MCC vai depender, ainda, de um compliance rigoroso em que um colaborador seja sempre fiscalizado por outro. A gestão preventiva de riscos dependerá sempre de conferência e fiscalização constantes.

Gostou de entender melhor o que é a MCC? Continue seguindo nosso blog.

Matérias recentes